Posts tagged ‘cálcio’

Entenda um pouco mais sobre a Anemia Ferropriva: a desordem nutricional mais comum no mundo.

* Carina Tafas

 Cerca de 1/3 da população mundial têm carência de ferro. Tanto em países em desenvolvimento quanto em países desenvolvido.

 A Vitamina C é o mais potente promotor de absorção de ferro

No Brasil 30% das gestantes e 50% das crianças apresentam esta deficiência, que pode aumentar o risco de parto prematuro e anormalidades no desenvolvimento cerebral do feto e comprometer o desenvolvimento cognitivo e o aprendizado em crianças.

O ferro é fundamental para que diversas funções no corpo aconteçam, assim como para a construção das hemácias. Quando falta ferro no organismo, o estoque (que se chama ferritina) vai sendo utilizado para fornecer ferro para a produção de hemácias. Quando o estoque de ferro reduz, a produção de hemácias cai e pode surgir a anemia.

O que acontece com a redução de ferro no organismo?

  • A pessoa fica pálida, pois ocorre uma redução das hemácia que são as células vermelhas.

  • Diminuição do sistema imunológico

  • Fissura nos cantos dos lábios

  • Pode ocorrer alterações na pele e nas unhas

  • Queda de cabelo

  • Cansaço

  • Tontura

  • Fraqueza

  • Indisposição

  • Falta de apetite

  • Pode haver depressão

A deficiência de ferro é a principal razão para a instalação da anemia ferropriva, porém não é a única. Outras causas devem ser avaliadas, como: insuficiência renal crônica, hipotireoidismo, câncer, doenças inflamatórias, deficiência de outros minerais, situação gástrica (estômago) e intestinal, hemorragias, gestação, perda crônica de sangue pela menstruação, cirurgia de redução de estômago.

A vitamina C potencializa a absorção de ferro, portanto o consumo é interessante junto ao almoço e jantar. O consumo de 75 mg de vitamina C aumenta a absorção do ferro em três a quatro vezes. Veja na tabela alguns alimentos ricos em Vitamina C.

Já o cálcio inibe sua absorção, portanto molhos brancos, queijos e nata (ricos neste mineral) podem contribuir para piorar o estado nutricional de ferro e devem ser evitados durante as principais refeições.

Outros antagonistas neste caso, são os fitatos e os polifenóis. Os primeiros, presentes em diversas sementes e grãos, prejudicam a absorção do ferro. Já os polifenóis, apesar de estarem associados com efeitos benéficos contra doenças cardiovasculares, podem se ligar ao ferro e dificultar sua absorção. Alguns dos polifenóis mais comuns são os taninos, as catequinas e isoflavonas. Cabe evitar o uso de chá verde, chimarrão, chá preto, cacau, café e chás de ervas próximos às refeições que contenham ferro.

Existe também o problema da falta de acidez gástrica que também prejudica a absorção do ferro. Em estado normal, nosso estômago deve ser ácido, mas alguns defeitos da alimentação podem deixá-lo mais alcalino (menos ácido) e contribuir para a deficiência do ferro. O uso de antiácidos e a carência de zinco, por exemplo, também podem contribuir para a redução da produção de ácido clorídrico no estômago.

 

Alimento

Quantidade

Vitamina C (mg)

Goiaba crua

½ unidade

188

Pimentão vermelho cru

½ xícara

142

Pimentão vermelho cozido

½ xícara

116

Quiuí

1 médio

70

Suco de laranja

¾ xícara

61 a 93

Pimentão verde cru

½ xícara

60

Mamão (papaia) médio

¼

47

Brócoli cozido

½ xícara

37

Abacaxi cru

½ xícara

28

Couve-flor cozida

½ xícara

28

Manga crua

½ xícara

23

Fonte pesquisada: Alimentação sem carne (guia prático) de Eric Slywitch

*Nutricionista e Personal Diet

ctafas@yahoo.com.br

 

março 5, 2009 at 4:10 pm Deixe um comentário

O consumo excessivo de alguns alimentos pode levar à carência de minerais

 * Carina Tafas

 

Alguns compostos alimentares podem inteferir negativamente na absorção de alguns nutrientes importantes para a nossa saúde, são os chamados efeitos antinutricionais. Algumas dicas podem ajudar a amenizar estes efeitos. Um dos compostos antinutricionais encontrados nos alimentos são os fitatos.

Vilões ou mocinhos?

Os fitatos dificultam a absorção de alguns nutrientes como cálcio, ferro e zinco, e estão presentes nas sementes, como grãos dos cereais e das leguminosas (soja, feijões), trigo em grão, gergelim, amendoim, batata inglesa e batata-doce. Por outro lado, estes alimentos são benéficos à nossa saúde, pois reduzem o colesterol e triglicerídeos, controla o excesso de ferro no intestino (que forma radicais livres), previne o câncer de cólon. Além disso, os fitatos reduzem a toxicidade de metais pesados como cádmo e chumbo, já que inibem sua absorção.

Uma dica interessante para quem sofre de deficiência de algum destes minerais, ou até mesmo está com anemia ou osteoporose, é deixar os grãos de molho antes de consumí-los. Faça com feijões, lentilha, linhaça, grão de bico, amendoim, gergelim, dentre outros

Deixe os grãos de molho na água por 8 a 12 horas e depois despreze esta água. Como é solúvel em água, parte do fitato vai embora. Outra dica é ingerir vitamina C (frutas como laranja, limão, manga, goiaba, acerola, etc), pois reduzem os efeitos dos fitatos. Pingue uma gotinhas de limão em sua comida!

*Nutricionista Funcional e Personal Diet

ctafas@yahoo.com.br

 

 

fevereiro 27, 2009 at 4:59 pm 1 comentário


Alimentação Saudável

É natural que hoje em dia, com a dinâmica acelerada de vida, as pessoas necessitem de auxílio na hora de gerenciar sua alimentação.

Buscando colaborar com sugestões, o Blog Palavras Nutritivas, informará o leitor com dicas simples e úteis que podem ser aplicadas facilmente no seu dia a dia.

Seja Bem Vindo! Comentários, sugestões e críticas são bem vindas!

A nutricionista

Agenda de Posts:

agosto 2017
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031